STJ rejeita utilizar mensagens hackeadas em processo de Lula – RENOVA Mídia

Um novo recurso da defesa do ex-presidente Lula da Silva (PT) sobre o processo do tríplex do Guarujá, em São Paulo, foi rejeitado pela 5ª turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) nesta terça-feira (2). Os advogados de Lula questionaram uma decisão do STJ que rejeitou a utilização de mensagens hackeadas atribuídas a procuradores da operação “Lava Jato” e ao ex-juiz Sergio Moro no processo. No último dia 25 de janeiro, o ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou a defesa de Lula o acesso ao conteúdo apreendido.  Nesta segunda-feira, 1º de fevereiro de 2021, Lewandowski retirou o sigilo das conversas hackeadas.

Fonte: STJ rejeita utilizar mensagens hackeadas em processo de Lula – RENOVA Mídia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.